Fastio

Por hoje,
Cansei de filosofar com estrelas
E escrever para as pedras.
Quero mesmo
É pegar carona com o vento
Acariciar caminhos,
Beijar matas
E contemplar o pôr do Sol
No silêncio do horizonte,
Na leveza de uma pluma,
Imagem límpida
Sem bruma.
Anúncios

Olá! Obrigado pela visita.

%d blogueiros gostam disto: