Amo tudo aquilo
Que no pensar
Inquieta-me,
Agita-me
E obriga-me
A continuar andando.
Segurança
E porto seguro
É para quem
Perdeu as pernas
Para o comodismo,
Para o conformismo
E a resignação
De estar,
Por estar vivo.
Anúncios

Olá! Obrigado pela visita.

%d blogueiros gostam disto: