Instinto e razão

O motor de meu corpo
É o instinto, se fosse a razão
Já estaria morto.
O que não pensa
Não atrasa, sempre anda
No automático e é feliz.        
Aquilo que pensa
Acaba sempre esquecendo
Outras coisas,
Muitas vezes essenciais
Ao bom viver.
Pensar é luxo para poucas
Ocasiões da vida

E quase sempre nos faz sofrer.

Anúncios

Olá! Obrigado pela visita.

%d blogueiros gostam disto: