Oásis de meu coração

Scroll down to content
Neste caos que é o Mundo
Encontrei meus olhos
Mergulhados nos teus;
És tu agora um oásis
No ermo deserto de meu coração;
A água que mata minha sede
Sem miragem, sem ilusão;
A sombra que protege
Minha alma da solidão;
És tu a brisa suave
Que balança meu cabelos
Enquanto sou beijado
Pela luz da lua ao contemplar
O céu e suas estrelas na imensidão…
Anúncios

Olá! Obrigado pela visita.

%d blogueiros gostam disto: