Pelas ruas
Há tantos cheiros,
Tanto sabores,
Tantos rastros,
Tanta pressa,
Tanto descompasso
Simplesmente porque a vida é isso:
Uma inquietação
E um esquecimento
Para enganar as horas,
Sem isso sentiríamos
O tempo esmagando-nos
Pouco a pouco
Em seus braços
Sem pressa,
Sem demora.
Anúncios

Olá! Obrigado pela visita.

%d blogueiros gostam disto: